Garotas brasileiras muito sexys

As brasileiras são irresistíveis por duas razões: porque a beleza é uma prioridade nacional e porque se ama a si mesmas. A prova é o porno brasileiro. Não é um tema de quadril ou peito, é, em primeira instância, um caso de sensações. Se olham belas e esse é, provavelmente, o motivo que enloquezcan ao mundo que, de entrar em crise da Seleção Mexicana e que, pela primeira vez, ponham em predicamentos da quase perfeita, inclusive na ética e moral, campeã do mundo Espanha.

Há um par de anos, a empresa Dove realizou uma pesquisa global para determinar o que as mulheres se sentem mais bonitas do mundo e conquistaram as brasileiras e o porno brazil.

O sexo é necessário

Para o Brasil, a vaidade é algo natural e necessário. Não é só um assunto de mulheres, também os homens. Nas ruas de são Paulo é muito difícil olhar para uma garota sem decote ou calças entalhados e os homens com camisa colada e também calças apertadas; em Porto Alegre, e depois das 4 da tarde, as avenidas e parques se enchem porque as pessoas saem para fazer algum tipo de atividade física.

A beleza é cultural, e isso pode explicar que haja concurso de todos. Inclusive qual é a brasileira com o melhor traseiro do país (que por sinal, se chama Carine (e tem 25 anos). Com segurança, roupas sexy e atitude, muitos têm caído no paraíso delas no inferno, as recebido com honras militares. Os diários do Brasil conhece o irresistível de suas meninas e, por isso, é comum que os torneios internacionais recorrerem a ver, quase por costume, que equipa e quem foram seduzidos, mais como uma espécie de curiosidade. Assim é como se a afirmar que o México e a Espanha (esta nação nega) tenham caído em tentação.

Alessandra Ambrossio

alessandra-ambrosio

Dunia Montenegro

dunia-montenegro

Adriana Lima

adriana-lima

Monica Santhiago

monica-santhiago

Ser bela entre as mulheres brasileiras é uma necessidade e, por isso, 54% delas estão dispostas a ir para o centro cirúrgico, a aperfeiçoar-se. O futebol não é alheio à elegância das meninas e menos quando se trata de estrangeiros. Inclusive, há três anos, se revelou naquele país uma série de festividades, podiam durar até 48 horas, de jogadores locais com drogas e meninas. Assim, quando a beleza é um tema quase de Estado, tem que ter as suas consequências, e não importa que entre as mulheres brasileiras que foram operados para melhorar a sua aparência 13% não cumpriu sequer os 18 anos.

A jornalista mexicana Marcela Turati o documentou muito bem em seu texto “o Que eles têm de as brasileiras, que não tem eu?”; com relação à cultura da sensualidade naquele país, é o título de um dos subcapítulos de seu ensaio “A vida é uma nádega”.

Ao menos em São Paulo e Porto Alegre é difícil olhar para uma garota sem que olhe para a frente, provavelmente para o nada, caminhando como na passarela, cruzando uma perna à frente da outra e, sacudindo o corpo. Assim, nem os selecionados mexicanos, nem os espanhóis, nem ninguém poderia resistírseles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *